segunda-feira, 20 de fevereiro de 2012

COMO ELES FICAM CADA VEZ MAIS RICOS

    Celebridades do mundo do cinema, da música, da moda e até da medicina mostram seus outros talentos para empregarem seu dinheiro e ficarem ainda mais ricos.

SELVA RELAX
No comecinho dos anos 80, ainda exausto pelas desventuras e desastres no set de filmagem de Apocalipse Now, nas Filipinas, Francis Ford Coppola foi descansar em Belize. Lá, apaixonou-se pelo Blancaneaux Lodge, escondido no meio das Montanhas Maias, completamente abandonado pelo dono. Resolveu comprar a propriedade. Imaginou que pudesse ser uma futura locação, ou um bom esconderijo para escrever seus roteiros. De fato, durante mais de uma década o lugar foi o refúgio da família Coppola. Em 1993, o cineasta resolveu profissionalizar o lugar:transformou o Blancaneaux em um eco-resort. Desde a inauguração, recebe ecoilustres hóspedes, como Leonardo DiCaprio e Cameron Diaz. No meio de cachoeiras, piscinas e mata, o resort tem 20 suítes rústicas, porém luxuosíssimas.

CARMA  BUCÓLICO
A pouco mais de uma hora de Manhattan, na nobre região de Westchester, endereço de milionários do Estado de Nova York, o astro-galã Richard Gere e sua mulher, Carey Lowell, mantêm o bucólico Bedford Post Inn. O hotel, com cara de cenário de filme hollywoodiano, tem oito suítes de luxo e dois restaurantes. Para jantar no mais casual deles, The Barn, é preciso fazer urna reserva com dois meses de antecedência. Para o mais sofisticado, The Farmhouse, a espera é de um mês. Adepto de práticas de meditação, Gere fez questão de construir dentro das dependências o Voga Loft, estúdio que oferece aulas diárias de ioga, além de eventos e workshops zens. A senhora Gere e a decoradora Tiffany Vassilakis são as responsáveis pela decoração das suítes, muitas com vistas de tirar o fôlego.

COMPLEXO CABEÇA
Fundador do Festival de Sundance, em Utah, nos Estados Unidos, o ator Robert Redford também é o dono desde 1969 do Sundance Resort, um dos locais que abrigam o maior festival de cinema independente do mundo. Localizado a 55 minutos do aeroporto da capital, Salt Lake City, e a 45 minutos de Park City, o complexo hoteleiro é também um polo ecológico, de lazer e esportivo ao pé das montanhas, premiado diversas vezes por publicações especializadas em turismo. Tem um ar despojado, rústico, mas tudo com muito conforto. É um destino perfeito para quem curte natureza e para os adeptos de esqui. Além do festival, que acontece entre os dias 19 e 29 deste mês, o lugar abriga eventos literários, teatrais e espaços para exposições de arte itinerantes.

LEGÍTIMO  IRLANDÊS
Uma das parcerias mais famosas do rock, Bono Vox e The Edge, da banda irlandesa U2, também estão juntos em negócios nem tão pop. Os dois são donos do The Clarence Hotel, uma das construções históricas de Dublin, de 1852. O hotel, com 49 quartos, foi comprado em 1992 pela dupla, que obteve autorização do governo para reformá-lo com um projeto de Norman Foster, que desenhou o novo Estádio de Wembley e o 30 St. Mary Axe, em Londres. A ideia é triplicar o número de quartos e abrir um spa no hotel, que fica às margens do Rio Liffey e tem uma linha de decoração clássica. Em uma das principais suítes, uma Penthouse, os hóspedes têm uma vista incrível da cidade. Para o drinque pós-city tour, o hotel abriga o Octagon Bar, muito frequentado pelos próprios donos.

CLASSE  AAA
A italiana Donatella Versace não gosta de coisas discretas. Depois de inaugurar o Palazzo Versace, na Austrália, a empresária-estilista segue o mesmo padrão de ostentação no segundo Palazzo, que será aberto neste ano em Dubai, um dos sete Emirados Árabes Unidos. O empreendimento é dividido em um setor hoteleiro, com 213 suítes ultraluxuosas, e outro residencial, com 169 apartamentos, a serem vendidos a milionários viajantes. O hotel é todo decorado com móveis e objetos da grife e conta com um restaurante italiano cinco-estrelas. Tem também piscinas, bares, ginásio de esportes e, como não pode faltar, um spa equipado com aparelhos e produtos de primeira linha. Para atrair clientes AAA, o Palazzo tem uma marina particular, para que os hóspedes façam uma entrada triunfal, chegando com seus gigantescos iates.

MÍNIMO  ARROJADO
O estilista italiano Giorgio Armani e seus empreendimentos são praticamente patrimônios de Milão: estão por toda parte, são até pontos turísticos. Além das inúmeras lojas, que vão de roupas de alta costura a itens de decoração para casa e iates, Armani abriu, no fim de 2011, o Armani Hotel Milano, no coração da capital mundial da moda. O empreendimento tem 95 quartos - os mais espaçosos da cidade -, além de um spa, com 1200 metros quadrados, no topo do prédio. Como era de esperar, a decoração minimalista fica toda por conta do estilista, com objetos arrojados de sua própria marca distribuídos em ambientes de cores discretas. É o segundo hotel de Armani. Em 2010, ele fez sua primeira investida no negócio do turismo em seis andares da Torre Burj Khalifa, em Dubai a mais alta do mundo.


ESTÉTICA  E  ESQUI
Um caso à parte no negócio e no oficio é o de Ivo Pitanguy, O disputadíssimo cirurgião plástico foi aos dois extremos: no calor de 40 graus do Rio de Janeiro, mantém a sede de sua renomada clínica; no frio dos Alpes Suíços, arrumou um cantinho no Hotel Guarda Golf para montar sua Clínica Ivo Pitanguy Spa, Localizada na estação de esqui de Crans-Montana, o espaço é um centro todo chique de tratamentos estéticos ultramodernos, Possui quatro salas, uma piscina aquecida e o tradicional                                                                                                     , o banho turco, um tipo de relaxamento com esfoliação, O complexo hoteleiro foi aberto em dezembro de 2009 e tem 19 quartos e seis suítes, cada cômodo decorado com uma obra de arte, Para quem curte atividades ao ar livre e pratica golfe de verdade, o lugar é um paraíso,

                                                                                                 (Revista Lola, janeiro  de 2012)

0 Comentários:

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

<< Página inicial